Rede participa de mostra socioambiental e feira de economia solidária em Confresa (MT)

A cidade de Confresa (MT) recebe, entre os dias 8 e 10 de novembro, a 3ª Mostra de Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente e 1ª Feira Regional da Economia Solidária e Agricultura Familiar. O evento que reúne a diversidade rural da região contará com a presença de diferentes instituições como os participantes que compõe a Articulação Xingu-Araguaia (AXA).

Claudia Araújo, diretora da ARSX explica para alunos sobre a coleta de sementes. Foto: divulgação

Fortalecer esses atores sociais dos quais nosso coletores fazem parte e também é baseado na economia solidária que tema  ver com o nosso trablho e o fortalecimento institucial da ARSX da propria região,  confresa é considerado um polo regional do Araguaia e participar dessa feira, só fortalece a institução desse setor que é tão marginalizaçdo

Entre elas a Associação Rede de Sementes do Xingu (ARSX),  Associação de Educação e Assistência Social Nossa Senhora da Assunção (ANSA), Comissão Pastoral da Terra (CPT) e outras entidades da Articulação Xingu-Araguaia (AXA).

Coletores da rede estarão presentes em um estande com materiais informativos e também com sementes.  Cleusa Nunes de Paula, do Projeto de Assentamento (PA) Macife, em Bom Jesus do Araguaia, e Placides Pereira Lima, do PA Manah, em Canabrava do Norte, são alguns dos representantes da ARSX. Assim também como os diretores Acrísio Luiz dos Reis e Cláudia  Araújo.

Crianças se interessam pelas sementes e jogos lúdicos da rede. Foto: divulgação

¨Participar dessa feira é uma forma de fortalecer os agricultores familiares que são atores sociais dos quais nossos coletores fazem parte, além da questão da economia solidária que tem a ver com nosso trabalho¨, comenta Cláudia. A diretora também frisa que dessa forma a ARSX fortalece também sua presença institucional da região, já que Confresa é considerada uma pólo regional do Araguaia.

A programação do evento conta com palestras, oficinas e minicursos e tem expectativa de reunir cerca de 500 pessoas, entre elas professores de escolas rurais, alunos e pesquisadores do Mato Grosso.

Ao todo serão 50 expositores entre agricultores familiares de diversos  assentamentos como o Dom Pedro, de São Félix do Araguaia, o Independente I, de Confresa, o Brasil Novo, de Querência, o Fartura, de Porto Alegre do Norte, entre outros.

Produtos artesanais do povo Xavante, da Terra Indígena (TI) Marawãtsédé, e também do povo Tapirapé, da aldeia Urubu Branco, assimo como dos povos do Território Indígena do Xingu (TIX) serão expostos durante a feira.

Uma resposta para "Rede participa de mostra socioambiental e feira de economia solidária em Confresa (MT)"

nice one would like to get some more stuff. and I cant wait to share this with my firneds

Deixe um comentário